Carregando...
Atos 3:19 - Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor, e envie ele a Jesus Cristo, que já dantes vos foi pregado. O qual convém que o céu contenha até aos tempos da restauração de tudo, dos quais Deus falou pela boca de todos os seus santos profetas, desde o princípio.

Igrejas que Militam na Obra em Restauração

Participe de nossos cultos. Encontre uma Congregação mais próxima de você.

Carregando ...

Artigo - O DNA DA IGREJA

O DNA DA IGREJA

Vivemos em um tempo em que muito se fala sobre o termo igreja, e aproveitando que estamos no ano em que comemoramos o cinquentenário da Igreja em Ibitinga/SP, e também no Brasil, gostaria de trazer uma reflexão sobre o que é igreja, a sua base e identificação.

Publicado em 29/09/2015 - 4268 Visualizações - 0 comentários

Tendo a bíblia como nossa regra de fé e prática, não podemos buscar em outra fonte o sentido real do significado, bem como todas as dicas e instruções para identificação da igreja em meio ao mundo que cada vez mais se denomina “crente” e menos se diferem de uma vida dissoluta.

A palavra grega traduzida como “igreja” significa, literalmente, “chamado para fora” e assim refere-se a um grupo de pessoas chamadas para saírem do pecado no mundo e servirem ao Senhor. Não pode continuar a viver em pecaminosidade e ser parte da igreja. (Malaquias 3:18)

Encontramos na Bíblia que a Igreja é o corpo de Cristo. (Efésios 1:20 ao 23, I Coríntios 12:27, Colossenses 1:18 e 24)

Entender o conceito bíblico de igreja como um corpo de pessoas chamadas para fora do pecado, para serem santos, ajuda-nos a apreciar a riqueza da descrição bíblica.

Agora, fazemos a seguinte reflexão: Sendo a igreja o Corpo de Cristo, quantos corpos Cristo têm? Efésios 4:4 diz que há um só corpo.

Podemos então, comparar a igreja com o corpo humano. E nessa comparação vemos que existe algo no nosso organismo que identifica os membros do nosso corpo, o DNA.

DNA ou ADN em português é a sigla para ácido desoxirribonucléico, que é um composto orgânico DNA cujas moléculas contêm as instruções genéticas que coordenam o desenvolvimento e funcionamento de todos os seres vivos. Em regra, o DNA de cada indivíduo é exclusivo. Ali contêm informações para construir e manter um organismo.

Entendendo que a igreja é um corpo e que todo corpo possui o seu DNA, podemos analisar qual é o DNA da igreja, pois assim identificamos todos os membros desse corpo, mesmo que distantes uns dos outros fisicamente, mas unidos pelo DNA exclusivo desse corpo.

Encontramos em Efésios 2:19 e 20 que o fundamento da Igreja são os apóstolos e profetas, por isso, para conhecermos esse fundamento, precisamos saber quais eram as doutrinas que os Apóstolos e Profetas pregaram.

Para sabermos se fazemos parte da Igreja de Cristo, precisamos responder quais são as doutrinas apostólicas e proféticas, pois todos os membros do corpo são identificados pelo zelo e a santidade expressa na obediência dessas doutrinas que compõem a estrutura genética, o DNA da Igreja.

Embora o nosso espaço aqui seja pequeno para descrever detalhadamente toda a composição estrutural e doutrinária que identifica os membros desse corpo, quero apenas destacar alguns pontos, nos colocando a disposição para maiores esclarecimentos à luz das Sagradas Escrituras.

  • Unicidade de Deus (Monoteísmo puro) – Efésios 4:6, I Timóteo 3:16.
  • Batismo em Nome do Senhor Jesus e em água corrente – Atos 2:38, Atos 19:1 ao 6.
  • Uso do véu pelas irmãs para orar e profetizar – I Coríntios 11:1 ao 16.
  • Saudação com a paz do Senhor Jesus e ósculo santo – Romanos 16:16 ao 18 e I Pedro 5:14.
  • Vestes longas, sendo para a mulher saia longa e blusa manga longa ou vestido longo, e para o homem calça e camisa de manga longa – Isaías 49:18, I Timóteo 2:9 a 14, I Pedro 3:1 a 5.
  • Lutando contra o sistema denominacional – Mateus 16:18, Efésios 5:27.
  • Ceia anual com pão azimo, vinho puro e lava pés - Êxodo 13:10, I Coríntios 5:7 e 8, Deuteronômio 32:14, João 13:2 a 17.
  • Dízimos e ofertas - Malaquias 3:8 a 11, Lucas 11:42
  • Composição eclesiástica com pastor, evangelista e diácono - Efésios 4:11, I Timóteo 3:13.
  • Não aderir a vaidade, rejeitando o uso de joias e pinturas – I Pedro 3:1 a 4, I Timóteo 2:9, 10
  • Vivendo em humildade, zelo e santificação. – Hebreus 12:14, Tito 2:14. 

Guarulhos - SP
Pr. Wilson de Lima Salustiano
Mestre em Psicologia Pastoral    

Deixe seu comentário

Preencha os campos abaixo para comentar

Digite seu nome
Digite seu e-mail
Digite seu comentário
Igrejas que Militam na Obra em Restauração 2020 - Todos os Direitos Reservados