Carregando...
Atos 3:19 - Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor, e envie ele a Jesus Cristo, que já dantes vos foi pregado. O qual convém que o céu contenha até aos tempos da restauração de tudo, dos quais Deus falou pela boca de todos os seus santos profetas, desde o princípio.

Igrejas que Militam na Obra em Restauração

Participe de nossos cultos. Encontre uma Congregação mais próxima de você.

Carregando ...

Artigo - DOUTRINAS BÍBLICAS E APOSTÓLICAS

DOUTRINAS BÍBLICAS E APOSTÓLICAS

o manuseio da Bíblia e o seu estudo sistemático têm sido a 'fonte de vitória para milhões de servos de Deus. Averiguar as profecias, observar o seu cumprimento, discernir as riquezas espirituais de seus provérbios e de suas parábolas, suas alegorias e suas promessas é mais que um passatempo útil, é um dever sagrado, uma ocupação benfazeja que aprimora o espírito nesta existência e o capacita para a vida eterna.

Publicado em 01/09/2020 - 350 Visualizações - 0 comentários

 

DOUTRINAS BÍBLICAS E APOSTÓLICAS

 O manuseio da Bíblia e o seu estudo sistemático têm sido a fonte de vitória
para milhões de servos de Deus. Averiguar as profecias, observar o seu
cumprimento, discernir as riquezas espirituais de seus provérbios e de suas
parábolas, suas alegorias e suas promessas é mais que um passatempo útil, é
um dever sagrado, uma ocupação benfazeja que aprimora o espírito nesta
existência e o capacita para a vida eterna.

Neste tempo em que a emoção toma conta e dá o tom às adorações de
muitos evangélicos, Deus chama a atenção de seu povo para o culto racional,
isto é, culto com entendimento e revelação dos mistérios de sua Palavra. Sim,
caro leitor, nesse tempo de escancarado afastamento da obediência às
doutrinas bíblicas e apostólicas, Deus está restaurando a sua Igreja, está a
ataviando como noiva para o grande e glorioso dia do seu arrebatamento.
Deus se faz conhecido nesse tempo pelo seu NOME e se revela como o
ÚNICO E VERDADEIRO DEUS.

É chegada a hora! Já estamos próximos do arrebatamento da Igreja e por
isso dois caminhos se apresentam para cada um de nós. Um é o plano de Deus
para sua Igreja neste tempo e outro é a apostasia.

Fora do plano de Deus para este tempo, isto é, a RESTAURAÇÃO DA
IGREJA, cai-se na apostasia. Restauração é santificação e esta vem pela
obediência das doutrinas que haviam sido esquecidas através dos séculos.
Apostasia é o afastamento das doutrinas bíblicas e apostólicas, é seguir o
plano da sabedoria humana, dando cumprimento ao predito pelo apóstolo
Paulo em I Timóteo 4.1 e 2 -II Timóteo 4.3 e 4.

 JESUS O VERDADEIRO DEUS

 Há apenas um Deus, um único Deus verdadeiro.

Há mais de cinquenta passagens nas Escrituras que ensinam que Deus é
único e que não há outro. Nenhuma outra verdade da Bíblia recebe mais
importância do que a Unicidade de Deus.

Deuteronômio: 6:4 "Ouça Israel: O Senhor nosso Deus é o único Senhor".
Isaias: 44:8: "Há outro além de mim? Não há outro Deus que eu conheça".

I Timóteo 2:5 "Há um só Deus, e um só mediador entre Deus e os homens,
Jesus Cristo homem".

Tiago 2: 19 "Tu crês que há um só Deus: fazes bem. Também os demônios o crêem e estremecem".

Mais referências: Isaias 45:5. I Coríntios 8:4, Apocalipse 4:2, Isaias 46:9 e
Marcos 12:32.

Só é possível uma conclusão, se Jesus não fosse Deus, todos estaríamos perdidos, pois só Deus perdoa os pecados; e, se ele é Deus, não poderá ser outro, senão o grande Deus do antigo testamento, cujo nome era segredo (Isaías 52:6). A Bíblia é enfática em afirmar a existência de um único DEUS.

Convém relembrar que nosso Senhor Jesus disse: " Se não crerdes que
EU SOU morrereis em vossos pecados" (João 8.24). A expressão EU SOU é a mesma utilizada no passado quando Moisés indagou pelo nome do Senhor (Êxodo 3.14) para informar aos filhos de Israel. Disse Deus: "Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós". Esta expressão significa: Eu sou Deus, e foi por isso que os judeus queriam apedrejá-lo, pois entenderam claramente que Jesus declarou-se divino. Os Judeus conheciam
Deuteronômio 6.4 "Ouve, Israel, o SENHOR, nosso Deus é o único
SENHOR" e pensavam que Jesus dizia ser outro Deus ou um segundo Deus
como pensam ainda muitas pessoas em nossos dias. Nesse tempo do fim,
Deus se revela como o único e verdadeiro Deus, cujo nome é Jesus.

A Bíblia ensina a existência de UM ÚNICO DEUS que se manifestou no
passado como PAI criando todas as coisas; como FILHO quando tomou a
forma humana; e, como ESPÍRITO SANTO ou CONSOLADOR a partir dos
dias de Pentecostes. Temos UM grande e eterno Deus (único) que se fez
conhecer por meio de três grandes manifestações. Porém, muitos confundem
pensando que se trata de TRÊS em UM e daí por diante buscam justificar sua
contradição.

 CRISTO ERA UM HOMEM

 Quando os apóstolos estavam pregando sobre Ele, proclamavam que Ele
era um homem.

Atos 2:22 "Varões de Israel, ouvi estas palavras: Jesus de Nazaré é um
homem aprovado por Deus entre nós por milagre" ... Quando Jesus falava de si mesmo declarava que Ele era um homem, para os Judeus que tinham a morte em seus corações: "Mas agora quereis matar-me, a mim homem que Ihes disse a verdade" (João 8:40).

 

 ESTE HOMEM ERA TAMBÉM DEUS

 Mas supondo que nesta altura, eu devesse fechar minha Bíblia e dizer "Eis
aí Jesus", cometeria um grave erro, pois não basta dizer que Cristo era um
homem. Não há uma mentira que seja tão perigosa como uma meia verdade e é
apenas uma meia verdade sobre Jesus afirmar que Ele era homem. Se você
disser que Ele era um homem e isto for tudo o que você tiver para afirmar sobre

Ele, então você terá dito uma inverdade sobre Jesus. Ouça amigo, eis aqui a profunda, e não obstante, simples verdade. Este homem era também Deus. Ele era tão genuinamente Deus como genuinamente Homem. “João 1 :1 ... "E o verbo era Deus".

Hebreus 1:8 "Mas acerca do filho disse: o teu trono, Ó Deus é para todo sempre".                                                                                                    .

João 20:28 "Senhor meu, e Deus meu!" Não era uma expressão de espanto
de Tomé, mas uma confissão de fé: e Jesus aceitou essa confissão e adoração
de Tomé.

Romanos 9:5 "Deus bendito para todo o sempre".

Tito 2:13 "O grande Deus e nosso Senhor Jesus Cristo".
I João 5:20 "Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna".

II Coríntios 5:19 "Deus estava em Cristo, reconciliando consigo o mundo".
A Bíblia revela-nos uma dupla natureza, o mistério do Deus eterno e verdadeiro que se fez homem e não deixou de ser divino.

 

 CRISTO É O FILHO

 Em Lucas 2:40 O Filho crescia e se fortalecia
Em João 17: 1 O filho orava

Em João 3: 16 O filho unigênito
Em Marcos 13:32 O filho não sabia

Em João 14:28 O filho é menor que o Pai
Em I João 1:7 O filho tinha sangue

Em Gálatas 2:20 O filho morreu!

Gálatas 4:4 Seu filho gerado de uma mulher.

Tudo isso mostra que como filho, o Cristo era homem.

 MATEUS 28:19

 Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-as em Nome do

Pai, e do Filho e do Espírito Santo.

 

PAI.............................TÍTULO

FILHO........................TÍTULO         JESUS, NOME SINGULAR

ESPÍRITO SANTO....TÍTULO

Jesus não disse a seus discípulos para batizar, repetindo as palavras Pai,
Filho e Espírito Santo. Ele Ihes disse para batizar em NOME do Pai, do Filho e
do Espírito Santo.

As palavras Pai, Filho e Espírito Santo não são nomes, mas títulos que
indicam uma pessoa que tem UM NOME e este NOME É JESUS.

Não obstante sabendo da oposição à VERDADE, daremos algumas razões

pelas quais devemos batizar em NOME DE JESUS.                         .

Pedro acabara de ouvir as palavras de Mateus (28:19), ditas alguns dias
antes. Ele acabara de receber o Espírito Santo que deveria guiá-Io para toda a
verdade. Seria possível que ele tivesse feito um erro? Não, nunca!

a) - Remissão de pecados, é em NOME DE JESUS Lucas 24:47.

b) - Não há outro NOME pelo qual possamos ser salvos Atos 4: 12.

c)- O nome de família é Jesus. Se somos seus filhos tomamos o SEU NOME-
Efésios 3: 15.

 d)-A Noiva (Igreja) sempre toma o NOME do marido - Efésios 5:23.

 e)- O que quer que façamos, em palavra ou ações fazemo-las em NOME DE
       JESUS, o batismo pela água é palavra e ação- Colossenses 3:17.

f) - No Batismo pela água nós identificamos a morte, o sepultamento e a
ressurreição - Romanos 6:3 - 5.

Qual o nome daquele que morreu, foi sepultado e está vivo?

Os apóstolos tinham a revelação (Lucas 24:45; Gálatas 1: 12) e por isto, em
cumprimento a Mateus 28:19, batizaram usando o NOME do Pai e do Filho e
do Espírito Santo, conforme vemos em: Atos 2:38 - Atos 8:14 - 16 - Atos 10:48-
Atos 19:1-7 e Atos 22:16.

Concluímos então, que Jesus Cristo veio manifestar o nome de Deus aos homens.

  • - "Manifestei o Teu nome". João 17:6;
  • - "Eu Ihes fiz conhecer o Teu Nome", João 17:26;
  • - "Eu vim em Nome de meu Pai", João 5:43;
  • - "O Espírito Santo que o Pai enviará em Nome". João 14:26.
    - "O QUE NOS BASTA " João 14:8

Não deixe de observar que a revelação do nome de Jesus é promessa "a
tantos quanto Deus, nosso Senhor chamar (Atos 2.39)". "Portanto, o meu
povo saberá
o meu nome (Isaias 52.6)".

A Bíblia afirma que há um só batismo (Efésios 4:5) e que toda a Igreja
primitiva batizava no nome de Jesus, em nossos dias não pode ser diferente,
pois a Palavra afirma a divindade de Jesus e que este nome é o nome do Pai,

 DOUTRINA – ASSUNTO DE GRANDE IMPORTÂNCIA NA IGREJA

 Doutrina é ensino ou ensinamento, por isso as doutrinas bíblicas e
apostólicas são as doutrinas (ensinos) encontradas na Bíblia Sagrada, as quais
foram ministradas pelos apóstolos para a Igreja de Jesus, em todos os tempos
e em todos os lugares. É comum na atualidade encontrar pregadores que não suportam falar em doutrinas e por isso buscam reduzir tudo a costumes, tradições e ensinamentos de homens. Incentivam uma duvidosa liberdade, pois esta não santifica e nem gera uma verdadeira intimidade com Deus. Nos tais cumpre-se a palavra de Deus, II Timóteo 3.13 "irão de mal para pior, enganando e sendo enganados".

Paulo, o apóstolo, profetizou que depois da sua partida entrariam no meio do rebanho lobos cruéis, que não perdoariam o rebanho (Atos 20.29). A profecia se cumpriu e a Igreja foi conduzida para um afastamento da doutrina apostólica. 

Porém, outra profecia se cumpre em nossos dias (Atos 3.21) e esta diz dos tempos
de restauração e, por isso é que Deus está conduzindo o seu rebanho para a
obediência das doutrinas que foram esquecidas.

Confira os textos: Atos 2.42 "E perseveravam na doutrina dos apóstolos ... "
I Timóteo 4.13 "Persiste em ler, exortar e ensinar ... " I Timóteo 4.16 "Tem cuidado
de ti mesmo e da doutrina ... " I Timóteo 5.17 " ... principalmente os que
trabalham na palavra e na doutrina". I Timóteo 6.3,4 e 5 "Se alguém ensina
alguma outra doutrina ... é soberbo e nada sabe, mas delira ... aparta-te dos tais"
II Timóteo 3.16 "Toda a Escritura divinamente inspirada é proveitosa para
ensinar ... instruir ... " II Timóteo 4.2 "Que pregues a palavra ... exortes com toda a
longanimidade e doutrina". II João VS. 9 "Todo aquele que prevarica, e não
persevera na doutrina de Cristo, não tem a Deus;" II João VS. 10 "Se alguém
vem ter convosco, e não trás esta doutrina, não o recebais em casa, nem
tampouco o saudeis".

A CEIA DO SENHOR

 A Ceia do Senhor que toda igreja deve participar tem como elementos: Pão
e Vinho. E por ordenança deve ser PÃO ÁZIMO, isto é, sem fermento. Jamais o
PÃO levedado foi usado pelos judeus na celebração da Páscoa, Levítico 23:4-
5. Leia ainda II Crônicas 35:17 e Esdras 6:22, se isso bastasse nosso irmão
Paulo não diria que Cristo nossa Páscoa, foi sacrificado por nós, sem fermento,
I Coríntios 5:6 a 8, o mesmo Pão foi usado por Jesus na celebração da Páscoa,
e logo a seguir na instituição da CEIA, isto é, a Primeira CEIA do Senhor,
Mateus 26:17 e Lucas 22:1,7 ao 20. I Coríntios 11:23-33.

Da leitura e análise dos textos bíblicos fica-nos muito claro que a Ceia do Senhor é praticada por sua Igreja, anualmente, por ser em memória da morte do Senhor e o equivalente à Páscoa judaica que nunca foi celebrada mensal ou bimestralmente. mas ao tempo determinado (Levítico 23:4).

 

O LAVA PÉS

 É uma ordenança dada pelo Senhor Jesus Cristo.
O texto básico está em João 13:1 a 17.

Praticada pelo Senhor Jesus e ordenada por Ele mesmo: "Ora se eu, Senhor e Mestre, vos lavei os pés, VÓS DEVEIS também lavar os pés uns dos outros", João 13:14: "eu vos deixo o exemplo para que, como eu fiz, FAÇAIS vós também", João 13:15.

"Se lavou os pés aos santos, I Timóteo 5:1O."

No contexto da ordem de Cristo temos um diálogo esclarecedor. O apóstolo
Pedro recusou, não queria que o Mestre lavasse os seus pés e retrucou com
veemência: "Nunca me lavarás os pés". Mas quando Cristo disse que era
necessário para ter parte com Ele, então mudou de ideia e disse: Mestre, não
somente os pés, mas também as mãos e a cabeça.
Ao que o Mestre
respondeu: "Aquele que já está limpo, não necessita lavar, senão os pés" .
. Fica evidente que não se trata de costume ou tradição. Temos aqui uma ordem
simples, direta e um diálogo esclarecedor. Indagamos, contender é mais fácil
que obedecer? Deixar de praticar é mais sublime, é mais espiritual?

 O VÉU

 A doutrina do véu tem base bíblica no Novo Testamento, I Coríntios 11:1 a 16

Nos versos 5 e 6, lemos: "Toda mulher que ora com a cabeça descoberta
ou profetiza sem véu, desonra a sua própria cabeça, porque é como se
estivesse raspada".

Portanto se a mulher não se cobre com o véu, nesse caso que raspe o
cabelo. Mas se para a mulher é vergonhoso tosquiar-se ou raspar-se

CUMPRE-LHE USAR O VÉU.                           .

Esta Escritura deixa claro que é desobediência a mulher orar sem véu, a
palavra diz: desonra a sua própria cabeça. Além de diretamente desonrar a sua cabeça, indiretamente ela está desonrando a seu marido (Efésios 5:23) por isso não há mais respeito, nem a devida benevolência de um para com o outro, tudo por causa da desobediência à Palavra. No verso 10, note a importância "TRAZER O VÉU" se o cabelo é véu não precisa trazer, pois já está na cabeça, não há possibilidade de se esquecer, ainda mais: "que ponha o véu", pois se o cabelo é véu, para que por? A palavra diz: que ponha, por causa dos anjos e não por causa do homem. A Bíblia não afirma que o véu pode ser substituído pelo cabelo.

Talvez o caro leitor até tenha ouvido contar uma estória, aliás, alguns até já a
incluíram no rodapé de alguma versão bíblica. Tal estória dá conta de que
Corinto era uma cidade portuária e que havia muitas prostitutas e que estas
raspavam as suas cabeças; quando então ·se convertiam o apóstolo Paulo
mandava que elas usassem véu, até que seus cabelos crescessem e que,
portando, o mandamento era somente para a Igreja em Corinto.

Ora, o rodapé de página e outras anotações não são de inspiração divina e
jamais poderão anular o texto sagrado. Essa estória de prostitutas de cabeça
raspada não tem nenhum apoio das Escrituras, não passando de um engodo, manipulação daqueles que torcem a Palavra de Deus para sua própria condenação, senão vejamos:

Paulo manda usar o véu por causa dos anjos, eles argumentam que era por
causa de prostitutas. Seria possível confundir anjos com prostitutas?

O apóstolo diz que a carta é endereçada a "todos os que em todo lugar
invocam o nome de nosso Senhor Jesus
Cristo ... " (I Coríntios 1.2). Ora, se
é para todos em todo lugar, como podem querer sustentar que era apenas para
Corinto?

 O PORTE DA MULHER CRISTÃ

 A mulher cristã deve, em tudo, distinguir-se da mulher do mundo. "O enfeite
delas NÃO SEJA o exterior, no frisado dos cabelos, no uso de joias de ouro, na
compostura de vestido". A vaidade, o orgulho e a sensualidade não devem ser
encontrados, nem de leve no porte da mulher cristã. Na sua maneira de viver no
lar, na Igreja e na sociedade, ela é sóbria e humilde (I Pedro 3: 1-6).

Deve ser honesta e fiel em tudo (I Timóteo - 2:9); sujeita ao seu marido
(Colossenses 3:18); hospitaleira, demonstrar pudor e ser estimada por suas
boas obras (Romanos 16: 1-2). Deve cobrir-se com o véu para cultuar a Deus (I
Coríntios 11 :6); calar-se na Igreja, no sentido de não ter a palavra da liderança
ou da autoridade (I Coríntios 14:34-35) e regozijar-se na missão de mãe (I
Timóteo 2:15 e Salmos 128:3-4).

Vale lembrar que pudor indica vergonha de exibir partes do corpo que
provoque sensualidade. Será que na maneira de se vestir atualmente
verificada no mundo e nas "igrejas" o pudor está presente? Ou estão presentes
somente modas exibicionistas de corpos "sarados" para o pecado?

É tempo de decisão ou se caminha para a santificação pela restauração das
doutrinas apostólicas (plano de Deus para a sua Igreja) ou se caminhará para a
apostasia, seguindo o curso do mundo, seus costumes e suas modas.

 A SAUDAÇÃO COM O ÓSCULO SANTO

 Os santos devem se saudarem, com a paz do Senhor Jesus e com Ósculo
Santo. O apóstolo do Senhor, saudando a Igreja em Roma, "saudai uns aos outros
com Santo Ósculo. As Igrejas de Cristo vos Saúdam".

Examine os textos:

Romanos 16:16 -I Tessalonicenses 5:26 -I Coríntios16:20 -I Pedro 5:14 -11
Coríntios 13:12.

Em quatro cartas de Paulo e uma de Pedro é ensinado este glorioso
mandamento para a Igreja.

Em nenhuma destas passagens encontramos restrição quanto ao sexo para obediência deste mandamento, isto é, irmãs saudarem somente irmãs, e irmãos saudarem somente irmãos. Fazer tal separação é confessar a existência de malícia.

O Senhor nos tem revelado que o Ósculo Santo é a saudação Bíblica que
volta a ser praticada nos Tempos da Restauração: Jesus aceitou a saudação da
mulher nos pés. Somos nós melhores que o mestre que ordenou pelo seu
Espírito para que assim fizéssemos? O próprio Jesus reclamou esta saudação
de Simão: Leia Lucas 7:45.

Muitos argumentam: "de nada vale saudar com ósculo se não tiver amor".

Mas o certo é que se houvesse amor verdadeiro não haveria dificuldade
nenhuma para obedecer ao mandamento da Palavra de Deus.


www.obraemrestauracao.org

Av. João Farah, 380 – Jd. Bela Vista Sul - Fone: (16) 3342-5963
CEP: 14.943-118 - Ibitinga/SP
Responsável: Pr. Adail P. de Lima

 

 

 

 

Deixe seu comentário

Preencha os campos abaixo para comentar

Digite seu nome
Digite seu e-mail
Digite seu comentário
Igrejas que Militam na Obra em Restauração 2021 - Todos os Direitos Reservados